Internet Sociedade

Instagram usa inteligência artificial para combater cyberbullying

Com o objetivo de combater atitudes ofensivas de usuários, o Instagram anunciou nesta segunda-feira (08) duas novas ferramentas para evitar abusos ou comentários que possam soar como bullying digital – ou cyberbullying. Para tanto, a rede conta com recursos de inteligência artificial para reconhecer palavras “maldosas” ou usuários “problemáticos”.

“Estamos comprometidos em liderar a indústria na luta contra o bullying online e repensando toda a experiência do Instagram para cumprir esse compromisso”, afirma Adam Mosseri, chefe do Instagram, no comunicado oficial feito pela rede.

As novas ferramentas chegam para evitar atitudes de bullying e também para ajudar as vítimas a se protegerem. A primeira delas é uma notificação para as pessoas quando seus comentários podem ser considerados ofensivos antes de serem postados, dando a elas a chance de refletir. “Desde os primeiros testes com esse recurso, descobrimos que isso incentiva algumas pessoas a desfazer seus comentários e compartilhar algo menos doloroso”, relata Mosseri.

O outro recurso pretende ajudar a comunidade de usuários a se capacitar para enfrentar comportamentos agressivos de determinados usuários. A forma encontrada pelo Instagram para isso foi criar a opção “Restringir”, que permite às pessoas um maior controle de seus contatos sem que seja necessário excluir ou bloquear uma pessoa. Com ela será possível, em breve, restringir o acesso de contatos indesejados a seus posts, aprovar seus comentários antes que se tornem públicos e esconder seu status quando ativo no Instagram.

“É nossa responsabilidade criar um ambiente seguro no Instagram. Esta tem sido uma prioridade importante para nós há algum tempo e continuamos a investir no melhor entendimento e no enfrentamento deste problema”, conclui Adam Mosseri.

Vale lembrar que cyberbullying é um assunto sério e um problema a ser combatido numa sociedade cada vez mais digital como a nossa. Em casos mais graves, esse tipo de atitude ofensiva pode ser denunciado em delegacias de polícia especializadas em crimes na internet, podendo resultar em processos por danos morais.

Camila Mitye
Equipe Zap